Início » NOTÍCIAS » Prêmio ‘Muito Obrigado, Axé’: GGB é homenageado pelos 35 anos de ativismo na Bahia

Prêmio ‘Muito Obrigado, Axé’: GGB é homenageado pelos 35 anos de ativismo na Bahia

Folder divulgação.

OBRIGADO AXE FOLDER

Salvador, Bahia, sábado, 5 de setembro de 2015 – Na próxima segunda-feira (7), o Grupo Quimbanda Dudu promove uma ação para celebrar os 35 anos do Grupo Gay da Bahia (GGB) pelo importante ativismo na Bahia e no Brasil, com o objetivo de agraciar pessoas representativas de coletivos negros envolvidos no combate ao racismo, homofobia e intolerância religiosa, líderes religiosos e casas de matriz africana na Bahia, distribuindo 35 troféus.A premiação de honra “Muito Obrigado, Axé” será realizada às 16h, na Sala Walter da Silveira, na Biblioteca Pública do Estado da Bahia, Barris.

Com apresentação de Michele Loren, o evento conta ainda com a palestra “As religiões de matriz africana: solidariedade na diversidade das orientações sexuais, gênero e igualdade”, com o professor e sacerdote de matriz africana Vilson Caetano, performances dos artistas transformistas Ivanelly Vergma e Luana Lins, e apresentação do Grupo Ágape de Poesia com os poetas Sandro Susuarana, Mariara Silva e Larissa Oliveira.

A Bahia tem sido palco da luta por liberdade religiosa, cultos afro lutam contra o preconceito em vários níveis, mesmo que as religiões de matriz africana, como candomblé e umbanda exercem forte influência na cultura brasileira. Entretanto, comunidades de terreiro são estigmatizadas e alvos de ódio religioso, em Salvador, a cidade mais negra da diáspora africana.

O prêmio “Muito Obrigado, Axé” integra a programação da IV Semana da Diversidade LGBT, que acontece em Salvador, entre os dias 6 e 13 de setembro, composta por eventos envolvendo seminários, palestras, música, dança, mostra de filmes, premiação, mostra de artes plásticas, feira de negócios e desfile de trios elétricos. O projeto tem como objetivo mobilizar a cidade para receber a 14ª Parada Gay da Bahia, que acontece no dia 13 de setembro, das 11h às 21h30, no Campo Grande, com expectativa de receber cerca de 900 mil pessoas.

A IV Semana da Diversidade LGBT é realizada pelo GGB e Grupo Quimbanda Dudu, com apoio do Governo do Estado da Bahia, através da Secretaria da Saúde, Secretaria de Cultura, Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS), Secretaria de Turismo e Bahiatursa, Prefeitura Municipal de Salvador, rádio Itapoan FM, site Dois Terços, Laboratório Sabin, Goethe-Institut e Consulado Geral dos Estados Unidos da América no Rio de Janeiro.

Conheça os agraciados.

  • Senhora Vânia Villaça. Ilê Axé Tolujá, Boa Vista de São Caetano.
  • Senhora Nice Evangelista Espindola, Terreiro Ilé Axé Iyá Nasso Oká Casa Branca
  • Senhor Sivanilton Encarnação da Mata, Baba PC de Oxumarê,
  • Pai Dari, Paripe
  • Senhora Rita Maria Ventura dos Santos. Associação Nacional das Baianas.
  • Senhor Júlio Santana Braga, Simões Filho.
  • MametoKamurici, Maria Lúcia Neves,Terreiro São Jorge Filho da Goméia , Lauro de Freitas, BA.
  • Senhor SilvioFrança (Sacerdote caboclo Aritana de Oxóssi).
  • Bel de Oxum, São Tomé de Paripe.
  • Senhora Anhamona de Brito, Neta de ialorixá. Iniciada no candomblé e trabalhadora de uma casa espírita com vivências constantes no axé.
  • Senhora Yalorixá Vitória Carvalho. Ativismo em saúde e combate as intolerâncias.
  • Senhor Bàbalórìsà Binho De Yemòjá,
  • Senhor Ailton dos Santos Ferreira. Ativista, acima de tudo. Graduado em Ciências Sociais pela UFBA com especialização em gestão do 3º setor, com ênfase para instituições do movimento negro.  Em 2010, quando secretário da Secretaria Municipal da Reparação (SEMUR) criou o Observatório da Discriminação Racial e violência contra a mulher e LGBT no Carnaval de Salvador.  Hoje assessor especial da (Sepromi). 
  • Tata Anselmo, Terreiro Mokambo – Nzo Nguzo za Nkisi Ndandalunda ye Kitembo.
  • Senhor Jaime Sodré, historiador.
  •  Senhora Negra Jho, esteticista afro.
  • Senhora Neinha, baiana de acarajé.
  • Senhor Tata Vilson Caetano, Lauro de Freitas.
  • Senhora Ialorixá Cecilia Soares, professora UNEB.
  • Tatá Ricardo Tavares de Camaçari
  • Jose Raimundo  Lima  Associação Beneficente Ilê Axé Oju Onirê  de Santo         Amaro da Purificação, BA.
  • Pai Raimundo Trocoli, Luiz Anselmo. Centro Umbandista Paz e Justiça
  • FENACAB(federação nacional do culto afro-brasileiro)
  • Pai Valdemir, Terreiro de Santa Barbara, Lauro de Freitas.
  • Babalorixá Sergio – Irará
  • Babalorixá Léo da Padilha 7 saia de Veludo  – Calçada
  • Babalorixá Santa Rosa, Liberdade.
  • Babalorixá Anthony Ulton, Liberdade.
  • Fabiano Melo de Xangô, Pilão de Prata.
  • Ialorixá Jaciara Ribeiro, Itapuã.
  • ARANY SANTANA – Senhora Arany Santana.  Diretora do Centro de Culturas Populares e Identitárias (CCPI) da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia. Educadora, atriz e gestora pública, licenciada em Letras pela UFBA e Diretora do Ilê Ayê.
  • Pai Passinho, águas claras.
  • Senhor Babalorixá Paulo Paixão, Camaçari.
  • Senhor Tattá Kwa Inkise Mutá Imé, Cajazeiras 11.
  • Terreiro Ilê Asé Oyá, Senhor Alberto Pitta.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: