Início » NOTÍCIAS » GGB abre inscrições para 23ª edição do Concurso Nacional de Fantasia LGBT do Carnaval de Salvador

GGB abre inscrições para 23ª edição do Concurso Nacional de Fantasia LGBT do Carnaval de Salvador


Foto:Arquivo ggb fantasia luxo.

Salvador, sexta-feira, 7 de fevereiro 2020 – O Grupo Gay da Bahia (GGB) e Quimbanda Dudu comunicam que a partir de hoje começam receber inscrições de candidatos interessados em participar da 23ª edição do Concurso Nacional de Fantasia LGBT do Carnaval de Salvador que acontece na segunda-feira, 24, a partir das 15h na Praça Municipal, Centro Histórico de Salvador. Para se inscrever os interessados basta preencher o formulário que de graça e ser maior de idade, no caso de de menor deve estar acompanhados por responsável legal e devidas autorizações.

Os candidatos interessados devem preencher a ficha de inscrição disponível no site ou sede na sede da entidade localizada a Ladeira de São Miguel, 24 no Centro Histórico. Os candidatos na hora da inscrição devem indicar a categoria luxo ou originalidade, as inscrições são de graça, entretanto menos de 18 anos, só poderão participar com autorização dos responsáveis.

O evento acontece na Praça Municipal, consta de uma programação que tem início ás 15h00 e segue até ás 21h00 composta de shows de transformistas e atracões. Serão premiadas as três primeiras fantasias nas categorias de luxo e originalidade. Quem vencer na categoria luxo em primeiro lugar leva o cheque de 8 mil reais, já em originalidade o primeiro leva 4 mil.

O Concurso que começou meio tímido em frete a Câmara Municipal tomou forma e corpo, acrescentou a categoria luxo e rendeu homenagem a um dos maiores ícones de desfiles de fantasias da categoria luxo que foi Clóvis Bornay, expondo 25 de suas fantasias premiadas. “é um resgate cultural incrível alem de ser um acremento na produção cultural individual” diz Marcelo Cerqueira, presidente do GGB.

O critério de eleição dos vencedores das fantasias será por julgamento que levará em conta a beleza, elegância, simpatia, desenvoltura na passarela, pedraria, penas, postura, andar e por fim o valor gasto pelo candidato na produção da roupa, especialmente na categoria luxo, a mais esperada do evento. “Tanto em luxo quanto originalidade é importante avaliar o grau de dificuldade para a realização da roupa”, segue Cerqueira, ” costumo falar isso para separa e deixar bem claro a questão da homenagem a causas e temas que são justas e comoventes” conclui.

Na originalidade os critérios são a semelhança com a ideia original, entretanto, nessa categoria é proibido a utilização de materiais preciosos, pedrarias caras, penas haras, lantejoulas entre outros assessórios que possam dá conotação de luxo.

De acordo com a produção a categoria originalidade recebeu dois novos critérios dentro da avaliação que são apresentações que envolvam “protesto” e “reverência”, de situações da atualidade. De acordo com o Regimento, estas ações serão bem-vindas, mas há de obedecerem aos critérios norteadores da categoria em si, além de considerar o grau de dificuldade do desfilante para realizar a fantasia, desde de 2018.

A 23ª Edição do Concurso de Fantasia LGBT do carnaval de Salvador tem patrocínio da Prefeitura Municipal do Salvador, através da Saltur, é uma realização do Grupo Gay da Bahia e Quimbanda Dudu.

Mais informações: ggbbahia@gmail.com
http://www.grupogaydabahia.com.br
intragra; ggb_bahia_bra


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: