Grupo Gay da Bahia 41 anos bem assumidos, Delegada Isabel Alice.

em
Comissão Permanente Mista de Combate à Violência contra a Mulher (CMCVM) realiza audiência pública para discutir o PL 5.555/2015, que cria mecanismos para o combate a condutas ofensivas contra a mulher na internet ou em outros meios de comunicação. Em pronunciamento, delegada de Polícia Civil do Estado da Bahia, Isabel Alice Jesus de Pinho. Foto: Waldemir Barreto/Agência Senado

Queridos do GGB!
Segue a minha “pequena” mas sincera homenagem pelos 41 anos GGB!

O Grupo Gay da Bahia faz parte da história da Bahia na causa dos direitos humanos, pois é reconhecida como a primeira e a mais antiga associação de defesa dos legítimos direitos e garantias cidadãs dos homossexuais no Brasil.


Sua fundação em 1980, antecede as políticas voltadas para a defesa dos direitos e proteção das mulheres, com a criação das Delegacias Especiais de Atendimento – as DEAMs que foram criadas em 1985, em São Paulo e a primeira da Bahia data de 1986. Nesse período, o GGB já marcava sua trajetória como sociedade civil e sua liderança representava e reivindicava o reconhecimento dos direitos legítimos para toda a comunidade homoafetiva, que era invisível às políticas públicas, sobretudo nas áreas de saúde e segurança.


O GGB enfrentou o desafio de combater a violência doméstica, homofobia, discriminação, intolerância, ampliando suas ações para as famílias e abrigou em suas pautas as outras entidades que também lutavam contra o preconceito e a discriminação e atos de violências aos homossexuais nos espaços públicos e privados.


Destaque nas campanhas e garantia de atendimentos para prevenção das DST’s, como marco de alcance para toda a população.


Como DELEGADA Titular da DEAM/Brotas por mais de uma década tive a honra de participar de vários eventos, fóruns e demandas em prol dos grupos vulneráveis promovidos pelo GGB, e compartilhar na sua luta no enfrentamento a todo tipo de violência sofrida pela comunidade assistida e suas famílias, denunciando mortes, propondo ações efetivas, conquistando apoios e, com garra e determinação, o reconhecimento de todo o povo brasileiro e, sobretudo garantindo a manutenção dos direitos conquistados.


Nossa parceria ao longo dos anos, contribuiu na promoção do diálogo e a convivência pacífica de muitas famílias em conflito, pois o “ pano de fundo” da violência doméstica e nos espaços públicos, é o desrespeito à vida, à honra do outro homem/mulher, impedir o exercício digno da sua liberdade sexual e intimidade afetiva, de viver plenamente suas escolhas e desafios, de amar-se, conquistar o seu lugar no mundo, sonhar com um futuro…..

Isso é a essência dos nossos direitos humanos! É o que de melhor traduz essa caminhada de 41 anos do GGB!


Poder comemorar é reconhecer que valeu a pena cada conquista diária, com muito afeto, trabalho de equipe, parcerias e amorosidade vibrante e colorida como um imenso e infindável arco-íris!
Parabéns e vida longa ao GGB!
Isabel Alice de Pinho

Parabéns e vida longa ao GGB!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s